A dor é a manifestação primordial da vida. Tudo o que fazemos é para atenuar essa dor. A felicidade suprema seria a ausência total de dor. Eis uma tentativa de contribuição para minorar esse sentimento … Como naquela expressão inglesa: I have my moments, em resposta à pergunta, Are you happy?

segunda-feira, junho 25, 2007

Eurofederal – Esperança Renovada

Será que a Carta de Direitos Fundamentais dos cidadãos da UE vai ter base legal?
Será que vamos ter um Ministro de Negócios Estrangeiros?
Será que vamos realmente ter um Presidente?
Será que os poderes parlamentares aumentarão?
Será que teremos menos comissários para um executivo mais pragmático?
Será que uns "polacos quaisquer" recuarão na sua decisão?
Será que haverá referendos?
Será que vão meter medo aos Europeus nos referendos nacionais?
Será que o tratado vai ter nome alfacinha?
O "caracol" lá vai andando ...
Um dia chegará ao destino.

3 comentários:

O Micróbio II disse...

A julgar pela definição da imagem que colocaste, a esperança está muito tremida...

Sem Quórum disse...

Prefiro que não haja Tratado algum a que haja um Tratado improvisado à mesa dos grandes directórios e que sirva interesses que nada têm a ver com garantias sociais. Se o Tratado ou uma Constituição foram chumbados pelo povo em França e na Holanda, não quer isso dizer alguma coisa? Tb quero um documento regulador para a UE, mas feito e aprovado democraticamente para e pelo povo, nunca contra o povo... O dinheiro não pode ter sempre a última palavra!
Abraço,
ALM

al cardoso disse...

Esperemos a melhor sorte para esta presidencia que vai ser a ultima.

Um abraco d'Algodres.