A dor é a manifestação primordial da vida. Tudo o que fazemos é para atenuar essa dor. A felicidade suprema seria a ausência total de dor. Eis uma tentativa de contribuição para minorar esse sentimento … Como naquela expressão inglesa: I have my moments, em resposta à pergunta, Are you happy?

quinta-feira, junho 14, 2007

Dose de Morffina






Dor que se sente
Dor de mente
Dor demente
Dor doente
Dor de repente
Dor quente
Dor de ventre
Dor evidente
Dor patente
Dor inteligente
Dor eminente
Dor vigente
Dor latente
Dor emergente
Dor urgente
Dor reminiscente
Dor pendente
Dor dependente
Dor independente
Dor permanente
Dor de gente
Dor de toda a gente

Um abraço suavizante para todos, especialmente para os muitos que sofrem de dores crónicas.

4 comentários:

Sem Quorum disse...

Só te faltou acrescentar que escreveste este post em honra de Nª Srª das Dores (que Deus a tenha e conserve!)...
Aquele abraço,
ALM

O Micróbio II disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
O Micróbio II disse...

Esqueceste-te da "dor de coto"... bem sei que esta não rima mas dizem os entendidos que para a suportar não há morfina que chegue...

martim de gouveia e sousa disse...

dolorido abraço.